Informativos

Ano: VI - Número: 03 - 09/2017

Carta Aos Associados e Funcionários

São Leopoldo, 08 de setembro de 2017.

Aos/às associados/as.

Colegas, irmãs e irmãos em Cristo:

Neste novo contato com os/as associados/as, saúdo vocês com a senha para esta semana, com os votos de que ela descreva a realidade de todas/os nós:

“Ó Senhor, eu sou teu, e por isso as tuas palavras encheram meu coração de alegria e de felicidade.” (Jeremias 15.16)

A assembleia anual da AMA ocorre tradicionalmente no mês de março. Estamos, portanto, a meio caminho entre uma e outra, cabendo assim uma palavra “intermediária”. Houve, entrementes, uma mudança na gestão da AMA, mudança esta que foi comunicada aos/às associados/as em correspondência passada e que pôde ocorrer sem maiores contratempos ou turbulência. Para tanto, contribuiu a larga experiência na área da saúde de parte da nova coordenadora administrativa, Susan Werner Decker, bem como a continuada dedicação das funcionárias Isabel e Manoela. Agradecemos a todas elas.

Na questão de sustentabilidade financeira da AMA, tenho a satisfação de comunicar que até a presente data, tivemos em praticamente cada um dos meses deste ano, receitas mais elevadas do que as despesas. Isso nos tem possibilitado recuperar algo do “colchão de risco” que passamos a ir perdendo aos poucos desde há três anos atrás. Em todas as assembleias tem sido apresentado um quadro do desempenho e da situação financeira da AMA. Na próxima assembleia apresentaremos dados detalhados acerca de 2017 e da situação da AMA que tornarão palpável o que aqui afirmamos.

O bom resultado até aqui se deve, não por último, às condições mais favoráveis para este ano que pudemos pactuar com a UNIMED na renovação de nosso convênio para 2017, bem como a um acompanhamento mais de perto das cobranças recebidas da UNIMED. Nisso é importante o acompanhamento também de parte dos/as associados/as das contas de compartilhamento, conforme solicitação e orientação incluída em cada um dos boletos enviados aos/às associados/as. Também contribuíram para o bom desempenho até aqui as decisões tomadas na última assembleia, no tocante às contribuições dos/as associados/as, que contemplaram alguns reajustes que foram pequenos mas têm contribuído para a sustentabilidade da AMA. Também introduzimos um acompanhamento mais rigoroso da inadimplência, que não é elevada mas requeria maior atenção. As pessoas implicadas, felizmente poucas, foram contatadas, solicitando a regularização, antes que viessem a ter seu plano suspenso, conforme nosso regulamento.

Sabemos que os custos da saúde são elevados, e infelizmente com tendência crescente, na medida em que novos procedimentos vão sendo implantados, e também a contribuição para a AMA pode pesar no orçamento doméstico. Tanto mais contentes e agradecidos somos que o sistema da AMA contempla vários tipos de auxílio ou desconto de parte da IECLB, seja para pessoas eméritas, seja na ativa.

O mais importante é que a AMA, graças a Deus, tem podido cumprir com sua missão sem sobressaltos. O quanto isso é importante pode ser visto, por exemplo, no fato de termos podido assumir custos de saúde de uma pessoa associada no montante de 137 mil reais em um único mês. Estamos contentes em podermos arcar com custos nas situações de necessidade de associados/as de qualquer monta, mesmo quando tão elevada. Isso nos revela também a necessidade de termos um bom “colchão de risco” para eventualidades que nos possam surpreender.

Acima de tudo, porém, ficamos plenamente conscientes da importância de termos na AMA uma eficaz rede de solidariedade entre nossos/as associados/as, pois é a contribuição de todos/as que torna possível o necessário auxílio a cada um/a de nós, quando dele necessitamos.


De aqui ao final do ano estaremos seguindo nosso desempenho com o mesmo cuidado que tem havido até agora, encaminhando as negociações com a UNIMED para o ano de 2018 e preparando as propostas que venhamos a levar à assembleia de março próximo. Fazemos votos de que também o restante do ano de 2017 possa ter resultados positivos.


Na paz de Cristo e na solidariedade de sempre,
envio abraços fraternos, em nome de toda a Diretoria.


Pastor Walter Altmann

Presidente